top of page

ASSOJAF-GO participa de articulação na Câmara junto a líderes e blocos partidários em prol do PL 4015



A ASSOJAF-GO juntou-se hoje (12/06), uma vez mais, à Fenassojaf, Afojebra e Fesojus-BR na retomada dos trabalhos na Câmara dos Deputados, junto a parlamentares e líderes partidários, em prol da aprovação do PL 4015/2023, que trata do reconhecimento do risco da atividade. A atuação das entidades objetiva sensibilizar os deputados para manutenção do texto aprovado no Senado, incluindo os Oficiais de Justiça no rol das carreiras com atividade de risco reconhecida.


O presidente da ASSOJAF-GO e Diretor Jurídico do Sinjufego, Fúlvio de Freitas Barros, participou das atividades durante todo o dia de hoje. “É importante destacarmos a união das entidades representativas dos Oficiais de Justiça estaduais e federais nesta ação. A movimentação na Câmara foi muito positiva e tivemos grande receptividade nos gabinetes visitados”, frisou o presidente da ASSOJAF-GO.


Mariana Líria, presidente da Fenassojaf, destacou que desde a semana passada as entidades estão trabalhando em diferentes frentes de trabalho. Os dirigentes das entidades conversaram com o relator do PL, deputado Rubens Pereira Júnior (PT-MA), e agora o foco está em trabalhar as lideranças partidárias. “Onde não conseguimos falar com os parlamentares, avançamos com as assessorias. E pedimos aos colegas que também se engajem, fazendo seus contatos pelos estados”, acentua.


Dentre os gabinetes visitados hoje estão os dos deputados Odair Cunha (MG), líder do Bloco Federação Brasil da Esperança, que engloba os partidos PT, PCdoB e PV; Erika Hilton (SP), líder do Bloco Federação PSOL/REDE; Gervásio Maia (CE), líder do PSB; José Guimarães (CE), liderança do governo; Luís Tibé (MG), liderança do Avante; Fred Costa (MG), liderança do PRD; e André Figueiredo (CE), líder da Maioria.



Os trabalhos terão continuidade na próxima semana, com a articulação com demais lideranças.


Assessoria de Comunicação da ASSOJAF-GO | Ampli Comunicação

54 visualizações

Comments


bottom of page