top of page

Encontro nacional discute desjudicialização da execução civil



A desjudicialização da execução civil foi um dos temas abordados durante a realização do Encontro Nacional do Coletivo dos Analistas Judiciários (CONAN) da Fenajufe, ocorrido no último final de semana, dias 3 e 4.


O evento, promovido em formato híbrido, reuniu diversos representantes e dirigentes sindicais em um debate sobre as principais pautas dos Analistas Judiciários. Entre elas, o PL da Desjudicialização esteve no contexto da Terceirização do Poder Judiciário, abordado pelo coordenador da Fenajufe Charles Bruxel no primeiro dia do Encontro.


Junto com ele, a presidente da Assojaf/RS Fabiana Cherubini e a vice-presidente Carolina Passos, integrantes da delegação do Sintrajufe/RS, foram convidadas para o painel que abordou o PL 6204/2019, proposto pela senadora Soraya Thronicke (União/MS), que repassa atribuições dos Oficiais de Justiça para os tabeliães.


Na oportunidade, as dirigentes da Assojaf/RS enfatizaram que a desjudicialização não significa um problema que atinge apenas o oficialato, mas toda a sociedade, pois traz insegurança jurídica para aqueles que buscam o Judiciário, além de acarretar reflexos em todos os servidores, uma vez que todos são responsáveis pela execução.


A avaliação é de que não há possibilidade de uma parcela da jurisdição ser repassada para uma terceira categoria.


Segundo as representantes, os Analistas que participaram no evento da Fenajufe se mostraram interessados e demonstraram preocupação com o que foi abordado. “Foi uma experiência muito gratificante poder contribuir para o encontro dessa maneira”, finaliza Fabiana.



Fonte: Assojaf/RS

21 visualizações

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
bottom of page