top of page

Oficial de Justiça do TRF-1 é o primeiro brasileiro a integrar grupo de experts da UIHJ





O Oficial de Justiça do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (RN), Humberto Lima de Lucena Filho, é o primeiro brasileiro escolhido para compor grupo de experts da União Internacional dos Oficiais de Justiça (UIHJ). A Fenassojaf e a ASSOJAF-GO parabenizam o colega por tão honrosa nomeação e destaca a relevância de, cada vez mais, os Oficiais de Justiça do Brasil ocuparem os espaços de debate e efetivo trabalho em prol do segmento.  


O nome de Lucena foi aprovado pela diretoria da União Internacional nesta quinta-feira (13). A partir de agora, o Oficial de Justiça, quando demandado, atuará em missões internacionais, palestras, congressos, workshops e na emissão de pareceres. 


“É com grande honra e satisfação que recebo a indicação para compor o time de experts consultants da UIHJ. Representar os Oficiais de Justiça brasileiros nesta nobre instituição é uma responsabilidade engrandecida pelo tamanho e representatividade da nossa categoria. Ademais, ter uma experiência internacional é abrir possibilidades de melhoria do trabalho e da defesa das nossas atribuições”, enfatiza Humberto Lucena.


Enquanto Oficial de Justiça, ele afirma que a composição na UIHJ coloca, mais uma vez, os Oficiais de Justiça e o Poder Judiciário brasileiros em evidência, notadamente em tempos de tanta transformação pela tecnologia, inteligência artificial e novas formas de prática de atos processuais. “Espero e me esforçarei para poder contribuir à altura e termos boas notícias para a categoria”, finaliza.


O diretor de Relações Internacionais da Fenassojaf e integrante da gestão da União Internacional, Malone Cunha, ressalta que os experts são profissionais “com reconhecimento notável em áreas do Direito, da Execução e da atividade do Oficial de Justiça; e que atuam das mais diversas formas, auxiliando a UIHJ nas questões científicas”.


Além do brasileiro, integram o quadro de experts da União Internacional dos Oficiais de Justiça o presidente Marc Schmitz, Zlaty Mihailova (Bulgária), Carlos Calvo (Luxemburgo), Apostolos Anthimos (Grécia), Elin Vilippus (Estônia), Karolien Dokers (Bélgica), Patrick Gielen (Bélgica), David Walker (Reino Unido), Mathieu Chardon (França) e Jos Uitdehaag (Holanda).



Para o também diretor da Associação Nacional e presidente da Assojaf/RN, Daniel Brandão, “a designação de Humberto Lucena para os quadros de experts da UIHJ é muito importante para os Oficiais de Justiça. O quadro de OJs do TRT-RN hoje é de excelência”, enfatiza.


Fonte: Fenassojaf, com edição da Assessoria de Comunicação da ASSOJAF-GO | Ampli Comunicação

23 visualizações

Comments


bottom of page